Ainda na parada para as festas de fim de ano.

Compus faz um bom tempo. Em 2015 gostaria de ouvir todos dizendo para todos. Do fundo do coração. Com toda a sinceridade.

Amigo, é um presente de Deus,
É algo que recebemos
Sem que saibamos porque;
Amigo, é um farol sempre aceso
Na travessia da vida,
Amigo e como você.

É tudo que se pode receber,
É mais que uma joia rara,
É gema em ouro engastada;
Às vezes eu quero lhe agradecer,
Mas faltam-me as palavras,
A Voz me fica embargada.

Gratidão, é pra se dizer em prece,
A amigo não se agradece,
Amigo é bem mais que irmão;
Eu lhe digo, amizade é coisa sagrada
Que é pra se trazer guardada
No fundo do coração.

Copyright Onair Nunes da Silva
Vedada a reprodução por qualquer meio ou para qualquer fim

Anúncios